quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

A tua voz...


"A tua voz de sereia seduz-me, e atrai-me para a traiçoeira tempestade. Tempestade não de elementos, mas sim de momentos, sentimentos e corpos sedentos...

A tua voz encanta-me, hipnotiza-me, cega-me a razão... E eu naufrago nas tuas margens, não resisto a estas vagas tempestuosas que me assolam o coração.

A tua voz assombra-me, perturba o meu sono agora que me afastei, continua a lembrar-me o quanto te amei.

A tua voz agora é passado, já foi presente e eu desejei ardentemente que fosse também o futuro.

A tua voz que não passa de um murmúrio...

A tua voz... que agora é nada e um dia foi tudo...

Com a tua voz já não me iludo..."


By Anira

.

6 comentários:

maria teresa disse...

A Anira está "baralhada":):):)
Sente-se seduzida mas já não quer nada com que a seduz. É isso? Ou sou eu que já me baralho?
Abracinho

Girl in the Clouds disse...

Está bonito!! kiss

Miss Complicações disse...

Anira:
Tira-lhe o pio e está tudo resolvido ;)*

L'Enfant Terrible disse...

Essa voz parece mais um "ruído"!

Corset disse...

estou perturbada é com o gatinho da foto. coisa mais fofa!! snif

Galo disse...

Expectativas goradas, quem as não tem...

Beijo