domingo, 5 de setembro de 2010

i wonder now..


Por vezes tomamos decisões com base nas nossas convicções, mas contra o nosso instinto e coração... e só mais tarde, quando é tarde demais, é que vemos que até deveríamos ter contornado as nossas regras, arriscado daquela vez, pois valeria a pena... o Tempo, a distância e as circunstâncias encarregam-se de tornar essa decisão irreversível, mas no nosso consciente fica sempre a questão: "e se?..."


Mas nunca haverá resposta para tal...

9 comentários:

Bernardo disse...

Bom post

Callíope disse...

"e se..." para o passado e para o futuro! ...

é o meu modo mais recente :(

Manuela disse...

Anira, já tive uma fase "e se?...". Questionava muito. Agora já faço isso...
Beijinhos

Fresco_e_Fofo disse...

Olhar pra trás só serve para arranjar torcicolos.

Sutra disse...

O mundo dos "se's" é tramado! :)

beijo
Sutra

S* disse...

Todos erramos... porque não tentar voltar atrás?

Olhos Dourados disse...

Não adianta pensar muito nisso!

Anira the Cat disse...

Bernardo: :)

***
Calíope: também já andei nesse modo...

***
Manuela: Eu continuo a questionar... nem que seja para analisar até à medula. Mas não perco sono com isso, geralmente.

***
Fresco e Fofo: Já te disse que adoro as tuas tiradas geniais? ;)

***
Sutra: e de que maneira...

***
S*: o chato é que raramente dá para voltar atrás...

***
Olhos Dourados: pois, talvez seja o melhor mesmo, já que não se pode mudar...

Ninna Lollitta disse...

Bem... e vai daí é uma questão de timming... nunca deixar chegar ao ponto de deixar escapar de vez... e se escapar... é porque não era para ser! :)